James Patterson, JK Rowling, Stephen King, Dan Brown, John Green: todos eles são estrelas da literatura mundial, best sellers aclamados no mundo todo. E com todo este sucesso, é até natural que estejam presentes na lista dos escritores mais bem pagos do mundo, que leva em conta a arrecadação de cada um em 2015.

A revista Forbes divulga todo ano esta lista, e Patterson, autor da série Alex Cross lidera a lista, com uma fortuna de nada mais nada menos do que U$$ 95 milhões. Patterson tem uma média impressionante de livros publicados por ano, por contar com uma equipe de auxiliares para a produção de múltiplas obras. Isso explica a distância dele para o segundo colocado da lista, Jeff Kinney, que aparece em segundo lugar na lista com “apenas” U$$ 19,5 milhões acumulados em 2015 – quase cinco vezes menos.  O pódio fica completo com a britânica J.K. Rowling, que acumulou U$$ 19 milhões.

A lista é disputada. Figurinhas carimbadas das prateleiras, como George RR Martin (Crônicas de Gelo e Fogo) e Dan Brown (Código Da Vinci) figuram empatados apenas no 12° lugar, com um total de U$$ 9,5 milhões acumulados. Já E.L. James, autor de 50 Tons de Cinza é o oitavo colocado, longe do pódio, com U$$ 14 milhões.

Leia Também:  Harry Potter And The Cursed Child: o bruxinho está de volta

Um detalhe chama atenção na lista: praticamente todos os autores já tiveram obras adaptadas para o cinema ou televisão, o que certamente ajudou na escalada de sucesso deles.  A única exceção é Paula Hawkins, autora de “A Garota do Trem”, mas isso logo vai mudar: uma série de TV do best seller deve estrear em outubro. Confira a lista completa dos autores mais ricos, segundo a Forbes:

  1. James Patterson – US$95 milhões
  2. Jeff Kinney – US$ 19,5 milhões
  3. JK Rowling – US$19 milhões
  4. John Grisham – US$ 18 milhões
  5. Stephen King, Danielle Steel e Nora Roberts – US$15 milhões
  6. EL James – US$14 milhões
  7. Veronica Roth, John Green e Paula Hawkins – US$10 milhões
  8. George RR Martin, Dan Brown e Rick Riordan – US$9,5 milhões