Para fazer com que o conhecimento ultrapasse as paredes do consultório, o ginecologista José Bento – que já costuma dar muitas entrevistas e é consultor do programa Bem Estar, da Rede Globo – decidiu ir além e colocou no papel as principais dúvidas e informações relevantes sobre um dos períodos mais envoltos em tabus na vida da mulher: a menopausa. O resultado é o livro A melhor idade da mulher, da Editora Alaúde. Com linguagem acessível, o médico explica as transformações que acontecem no corpo do climatério à menopausa, ensinando a adotar melhores hábitos e cuidados que podem ajudar as leitoras a viverem essa fase de forma mais tranquila e positiva.

A melhor idade da mulher: http://www.livrariascuritiba.com.br/melhor-idade-da-mulher-a-alaude-lv394935/p

Você possui mais de 30 anos de experiência no atendimento a mulheres. Quais são os assuntos que mais geram dúvidas em relação à saúde?

As mulheres são muito cuidadosas com sua saúde e de sua família, mas o que gera mais ansiedade para elas é a fertilidade ou o que podem fazer para preservar essa fertilidade. O que mais causa aflição à mulher é a possibilidade de não poder engravidar um dia.

Como as mulheres devem se informar sobre saúde, sabendo que hoje recebemos informações conflitantes de todos os lados?

Simples, confiando no seu médico. Sempre que houver qualquer necessidade de obter uma informação médica, a mulher deve perguntar ao seu médico sobre suas dúvidas. Não existe pessoa mais confiável que esse profissional para tirar todas as dúvidas clínicas.

Quais as principais diferenças entre uma mulher hoje e uma de 30 anos atrás na relação médico/paciente?

A informação. Hoje você possui acesso a muitas informações sobre qualquer assunto e isso coloca a paciente numa posição em que ela participa no tratamento do seu problema. Não existe mais aquela figura do médico soberano, que sabia de tudo e não discutia. Era sua decisão e pronto. Hoje não existe mais isso. A paciente não aceita qualquer diagnóstico e muito menos qualquer tratamento.

Leia Também:  Harry Potter And The Cursed Child: o bruxinho está de volta

E em relação às gestantes, quais são os principais desafios de acompanhá-las atualmente?

O maior desafio é orientá-las durante a gestação, não só de assuntos pertinentes à gravidez, mas também de uma boa alimentação, de uma atividade física e, principalmente, sobre a diminuição do estresse do dia a dia.

Você é uma pessoa ativa em diversos tipos de mídias, sempre contribuindo com informações relevantes. Qual a importância de lançar um livro, mesmo estando presente em outras mídias, como televisão e internet?

O médico estuda durante toda a sua vida, trabalha demais e é injusto que toda essa experiência fique restrita a ele e sua paciente entre quatro paredes. Ele tem a obrigação de difundir esse conhecimento, fazer chegar essas informações à maior quantidade de pessoas possível. E o livro tem essa função.

O livro A melhor idade da mulher mostra que a menopausa deve ser encarada de forma positiva. Esse período ainda é visto com medo pelas mulheres?

Esse período da vida da mulher é muito marcante. É a comprovação estrita de que a vida está passando. Ela percebe nos sintomas, na própria pele que o tempo passa. E que é preciso investir na sua qualidade de vida. Procurar melhorar a sua alimentação, fazer uma atividade física e procurar um médico que a acolha, que a entenda e que a ajude a diminuir alguns sintomas são as principais preocupações das mulheres nessa fase.