Poucas coisas deixam um fã de série mais feliz do que um retorno. Quando a série é realmente antiga e precursora, como é o caso de Arquivo X, nem se fala. Este ano, os eXcers, como são chamados os fãs do seriado, ganharam um presente: uma minitemporada com seis episódios.

A série, que estreou em 1993 e durou nove temporadas, conta a história de dois agentes do FBI que são designados para um departamento que cuida de casos misteriosos. Mulder (David Duchovny) é o agente que acredita que a própria irmã foi abduzida por alienígenas, e Scully (Gillian Anderson) é uma médica cética que foi selecionada para invalidar as teorias do parceiro. Em seu retorno, ela vem fiel, em elenco, roteiro e “tecnologia”, e embora seja digna dos nostálgicos, também tem tudo para conquistar novos interessados. E um bom motivo para você assistir é simples: se hoje você é fã de séries e tem uma para chamar de sua, saiba que você deve todo seu respeito ao Arquivo X.

conteudo_93678

Produzida em uma época pré-internet (leia aqui anos 90), os eXcers usavam camisetas personalizadas, mandavam cartas, compravam bonecos dos personagens principais, acompanhavam as revistas personalizadas… bom, faziam tudo que um fã de série hoje em dia faz, mas eles foram os primeiros. Eles também garantiram que a série fosse a primeira a ter um grupo de discussão na internet (ainda na era da internet discada).

Leia Também:  10 Curiosidades muito legais sobre Game Of Thrones

Além de estipular o comportamento de fãs, os eXcers foram os precursores de um termo que se tornou bem usual. Por exemplo, se hoje você “shippa” um casal da sua série favorita, você também só faz isso por causa de Arquivo X. Isso porque alguns fãs da série só se importavam com a mitologia, enquanto que outros torciam por um relacionamento amoroso entre os protagonistas. A estes era empregado o termo “shipper”, que vem da palavra “relationship”.

Arquivo-X

Outro ponto importante para você respeitar o seriado são os profissionais que trabalharam durante o longo período em que ela foi produzida. Isso porque muita gente que hoje produz séries renomadas fez parte da equipe do Arquivo X: Viince Gilligan, de Breaking Bad, Kim Manners, de Supernatural, Alex Gansa e Howard Gordon, de Homeland, e Tim Minear, de American Horror Story.

Pronto para dar uma chance à série?